transcencídio

era pequena
geniosa e rebelada,
exigia-se o corpo de uma fada,
para com ele vestir
o último sentido,
e fazer parar o logos,
- por ela, ungido.
depois, gozar o amor alado,
ela e o céu,
um só lado.
dedicou calma a esse fardo,
torceu a noite das palavras,
cicatrizes  amarras  travas,
até  obter  o que queria:
depois dela nem o nada.
e morreu entediada,
fada e fria.

Nenhum comentário:

distar III

distar III

Seguidores

Arquivo do blog